Não tem como se mudar para a Alemanha e não perceber como esse negócio de reciclagem é sério por aqui. Para se ter uma ideia, a Alemanha é o número 1 no mundo quando o assunto é reciclagem, de acordo com informação fornecida pela OECD. É um assunto muito importante no país e como turista e principalmente como expatriados, você precisa saber como o sistema de reciclagem funciona.
1

Na verdade, saber como esse sistema funciona é essencial para o seu dia a dia morando no país. Certamente irá te ajudar a economizar tempo e dinheiro e a manter a paz com seus vizinhos. Sim, seus vizinhos, porque as pessoas aqui não só fazem a parte delas, elas também se importam se você está fazendo a sua.

Através da minha experiência morando na Alemanha há 4 anos e com uma pesquisa por sites oficiais, fiz um pequeno guia sobre o que você precisa saber sobre o sistema de reciclagem na Alemanha. O assunto é vasto, dá para escrever um livro inteiro sobre isso, então me perdoem se eu não mencionar cada detalhe nesse post. De qualquer forma, espero que seja útil para muita gente que mora ou está vindo morar por aqui, ou que estão apenas de passagem.

As garrafas retornáveis (Pfand)

Uma das primeiras coisas que você notará na Alemanha é que dá para receber dinheiro de volta pelas garrafas retornáveis. Dependendo da garrafa (as que são recicladas somente uma vez,Einweg ou as que podem ser recicladas mais vezes, as Mehrweg) você pode receber entre 0,08 e 0,25 centavos de volta.

Essas garrafas que podem ser de plástico, metal ou de vidro, são devolvidas nos supermercados e em qualquer Geträkemarkt (depósito de bebidas). Há umas máquinas nesses locais, onde dá para depositar as garrafas e receber um recibo com o valor que você tem direito a receber. Esse recibo pode ser trocado por dinheiro ou usado como desconto na sua compra no local.

2Nem todas as garrafas são retornáveis: garrafas de vinho, geleia, as que indicam Pfandfrei, entre outras.

As retornáveis: garrafas de cerveja, refrigerantes, água, suco, e até mesmo as latinhas de refrigerantes e energéticos.

Em cidades grandes como Munique, é de costume deixar garrafas retornáveis encostadas em lugares pelas ruas para que mendigos possam pegá-las e devolvê-las.

Os containers


3

Vai logo se acostumando com eles. Dependendo da cidade em que você mora, terá esses em sua casa/prédio:

Preto

Para o lixo geral, o que significa tudo que não é reciclável.

Exemplos: resto de comida, poeira, pontas de cigarro, fraldas de bebê, cocô de cachorro, etc.

Não inclui: lixo orgânico, tudo que é reciclável, lixo especial como pilhas, etc.

Coleta: normalmente a cada 2 semanas.

Azul

Para papel.

Exemplos: jornais, caixas de papelão (sapatos, pizza, etc), sacolas de papel, panfletos, lenços de papel limpos, etc.

Não inclui: papel sujo, sacolas de plástico, adesivos, papel carbono, papel de fotografia, etc.

Coleta: mensalmente

Amarelo

Para embalagens de plástico e metal leves. Dependendo da cidade, pode ser que sacolas amarelas sejam usadas ao invés do container. Em outros casos, é necessário levar esse lixo até os grandes containers encontrados nas ruas.

Exemplos: latinhas, materiais plásticos, embalagens de alumínio, caixas de leite, etc.

Não inclui: embalagens ainda com conteúdo, fraldas de bebê, vidros, embalagens de papel, etc.

Coleta: mensalmente para as sacolas e pequenos containers, e duas vezes no mês para os containers grandes.

Marrom e verde

São para lixo orgânico.

Exemplos: frutas e verduras, cascas de ovo, plantas, folhas, etc.

Não inclui: restos de comida, carne, cinzas, poeira, etc.

Coleta: a cada 2 semanas.

Os Vidros

As garrafas de vidro que não são retornáveis são divididas entre transparentes, verdes e marrons. Elas podem ser depositadas nos grandes containers das ruas.

Os volumosos

São os móveis de casa, como sofás, mesas, prateleiras, etc. O lugar para se desfazer dos mesmos se chama wertstoffhof, que é basicamente uma estação de lixo.

Não inclui: partes de carro, roupas velhas, aparelhos eletrônicos, etc.

Lixo especial

4Aparelhos eletrônicos pequenos e grandes, como geladeiras, torradeiras, fornos microondas, etc. Pilhas, baterias, lâmpadas fluorescentes, tinta, etc. Devem ser levados ao wertstoffhof. Em alguns supermercados é possível se desfazer de pilhas, por exemplo.

O Wertstoffhof

É basicamente uma central, encontrada em praticamente todo bairro da cidade. Ir lá vale a pena quando se tem grande quantidade de lixo ou aqueles que estão na categoria especiais. Árvores de Natal, móveis, muito plástico e papelão, aparelhos eletrônicos, etc.
5

Os containers das ruas

São encontrados nas ruas das cidades (nem todas). Entre esses containers, há alguns para plástico e alumínio, outros para os vidros (marrom, verde e transparente). Se em seu prédio/casa não há esses containers, é lá para onde você deverá levar esse lixo.

Entre eles também há um onde é possível doar roupas.

Note que existe um certo horário que é permitido jogar lixo nesses containers: das 07:00 até às 19:00 em dias da semana. Mas para ser sincera vejo gente jogando todo dia e à qualquer hora. Essa regra existe para não fazer barulho para a vizinhança.
6

Vocabulário útil

Restmüll: lixo geral
Papier: papel
Kompost: composto orgânico
Plastik: lixo de plástico
Kunststoffe: plástico
Flaschen: garrafas
Glas: vidro
Dosen: latas

 

*Para informações específicas para a cidade onde você mora, consulte a prefeitura local.


VISITE O BLOG DE ALLANE:

packingsuitcase

Leia também:

Homesick: A saudade de casa que é constante. Como lidar com a dor que não termina?

Estou a tanto tempo morando fora que o Brasil já é uma realidade distante. Será mesmo? Devo ou não voltar?

Cadê meu presente? – Se foi para o exterior, então agora é rico!

Brasileiros no exterior, a saudade de casa e a tirania da família no Brasil

Vida de emigrante: quando a crise chega e o coração aperta…

Última atualização deste post: 18/06/2017

Curta Alemanha para Brasileiros no Facebook e acompanhe as publicações do site

 
 

Gostou? Compartilhe! Obrigado 🙂