Os casos da língua alemã – Entendendo os casos nominativo, acusativo, dativo e genitivo do idioma alemão. 

Um dos maiores “monstros” da língua alemã são, sem dúvida, os casos acusativo, dativo e genitivo. O caso nominativo tudo bem, mas quando se passa para os demais, muita gente se assusta e tem muita dificuldade de saber quando se usa cada caso. O genitivo assusta até mesmo alemães e é, por isso, evitado por muita gente, que o substitui pelo dativo (dizem, por exemplo, “Wegen dem Mann” ao invés de “Wegen des Mannes”). Também brasileiros que aprendem o idioma alemão têm dificuldade de entender e aplicar corretamente esses casos. Como é essencial dominá-los bem, vamos tentar compreendê-los um pouco melhor a seguir.

-> Conhecimento prévio necessário: domínio do caso nominativo, dos artigos e pronomes

Para começar a entender os casos nominativo, acusativo, dativo e genitivo do idioma alemão, observe bem a seguinte cena:

img1

Descrição da cena:

O prefeito de uma pequena cidade no Norte da Alemanha, no Mar Báltico, saiu com sua esposa e um amigo para passear no porto. Foi quando chegou um barco de pesca, que voltava do mar com peixes para vender. O pescador estava cansado e foi para casa, deixando o filho, que trabalhava com ele, encarregando-o de vender os peixes. Quando o prefeito passou e cumprimentou o filho do pescador, a mulher do prefeito resolveu comprar um peixe.

Aqui a cena novamente, dessa vez mostrando quem é quem:

img2

Vamos nos concentrar na venda do peixe. É com essa frase que vamos trabalhar:

O filho do pescador vende o peixe à mulher do prefeito.

Vamos traduzir para o alemão as palavras usadas nessa frase (todos os substantivos primeiro no nominativo):

  • der Sohn = o filho
  • der Fischer = o pescador
  • verkaufen = vender
  • der Fisch = o peixe
  • die Frau = a mulher
  • der Bürgermeister = o prefeito.

-> A palavra “Frau“ pode  significar “mulher“, em geral, ou ter o sentido de “esposa“, a depender do contexto. O mesmo vale para a palavra “Mann“, que pode significar “homem” ou “esposo“.
-> Der Freund = o amido (do prefeito) será ignorado em nosso exemplo.

Agora vamos traduzir a frase, parte por parte:

Em primeiro lugar, vem o sujeito da frase, que é o filho do pescador:

Der Sohn (o filho) vom (von + dem = do) Fischer (pescador).

Der Sohn vom Fischer = O filho do pescador

Repare que “der Sohn” continua no nominativo por ser o sujeito da frase. Por se tratar de uma palavra masculina, recebe o artigo definido “der(= artigo o no português), sem declinação:

OS ARTIGOS NO NOMINATIVO:

ARTIGOS DEFINIDOSSINGULARPLURAL
Masculinoderdie
Femininodiedie
Neutrodasdie
ARTIGOS INDEFINIDOS
Masculinoeineinige
Femininoeineeinige
Neutroeineinige

 Já “der Fischer” passa para o dativo (“dem Fischer”), pois a preposição “von” (= de) sempre exige o dativo:

Der Sohn von dem Fischer.

Como no português, onde se junta „de” e “o”, formando “do”, a mesma coisa ocorre em alemão com “von” e “dem” = “vom”.

OS ARTIGOS NO DATIVO:

ARTIGOS DEFINIDOSSINGULARPLURAL
Masculinodemden
Femininoderden
Neutrodemden
ARTIGOS INDEFINIDOS
Masculinoeinemeinigen
Femininoeinereinigen
Neutroeinemeinigen

O filho do pescador seria em alemão então der Sohn vom Fischer. Agora repare que, apesar de muitos alemães falarem assim, usar “von” com o dativo aqui não é a forma mais elegante. Mais certo seria usar o genitivo.

OS ARTIGOS NO GENITIVO:

ARTIGOS DEFINIDOSSINGULARPLURAL
Masculinodesder
Femininoderder
Neutrodesder
ARTIGOS INDEFINIDOS
Masculinoeineseiniger
Femininoeinereiniger
Neutroeineseiniger

Usando então o genitivo:

vom Fischer = des Fischers (o artigo passa para “des” e a palavra “Fischer”, por ser masculina, recebe um “s” no final).

Assim temos agora o sujeito da frase:

Der Sohn des Fischers O filho do pescador

-> OBSERVE QUE NO GENITIVO O MASCULINO É SEMPRE IGUAL AO NEUTRO E O FEMININO SEMPRE IGUAL AO PLURAL.

  • O genitivo expressa muitas vezes a ideia de origem

Por exemplo:

Die Menschen des Süden
As pessoas do Sul

Dinge der Seele
Coisas da alma

  • ou de propriedade, de ligação

Por exemplo:

Das Haus der Frau
A casa da mulher

Der Sohn des Fischers
O filho do pescador

A função do genitivo nesta frase

Der Sohn des Fischers.

é de informar que não estamos falando de um filho qualquer, em geral, mas sim especificamente do filho do pescador. Neste caso, o genitivo é um complemento, uma informação adicional sobre o substantivo

O verbo VERKAUFEN:

Vamos ver então agora a conjugação do verbo “verkaufen” (vender) no presente do indicativo, que é o que precisamos para nossa frase:

ich verkaufe (eu vendo)

du verkaufst (você vende)

er/sie/es verkauft (ele/ela/neutro vende)

wir verkaufen (nós vendemos)

ihr verkauft (vocês vendem)

sie/Sie verkaufen (eles/elas vendem; o senhor/a senhora vende)

Como o filho do pescador é a terceira pessoa do singular (= ele), nossa frase fica então:

Der Sohn des Fischers verkauft = O filho do pescador vende

Mas ele vende o quê? O peixe = der Fisch.

Só que agora precisamos do acusativo para o peixe, que na frase é o objeto direto (aquilo que é vendido):

OS ARTIGOS NO ACUSATIVO:

ARTIGOS DEFINIDOSSINGULARPLURAL
Masculinodendie
Femininodiedie
Neutrodasdie
ARTIGOS INDEFINIDOS
Masculinoeineneinige
Femininoeineeinige
Neutroeineinige

E assim nossa frase fica um pouco mais completa:

Der Sohn des Fischers verkauft den Fisch = O filho do pescador vende o peixe

-> REPARE QUE O ACUSATIVO SE USA PARA O OBJETO (DIRETO) DA AÇÃO. PARA DIZER, POR EXEMPLO, “EU VEJO VOCÊ” EM ALEMÃO, NÃO SE USA “DU” (NOMINATIVO) PARA VOCÊ, MAS SIM “DICH” (ACUSATIVO). “EU VEJO VOCÊ” SERIA PORTANTO “ICH SEHE DICH”.

Bom, agora só falta dizer a quem o filho do pescador vende o peixe. Em nosso caso, ele vende o peixe à mulher do prefeito. Para “do prefeito” vale a mesma coisa como acima para “do pescador”. Já “a mulher”, que é quem recebe/compra o peixe, passa para o dativo. Para que se possa compreender isso melhor, aqui outro exemplo:

Se eu dou algo a você, em alemão se diz “ich gebe dir etwas”. O “etwas” encontra-se no acusativo, já que é aquilo que lhe dou e “você”, que é quem recebe o que dou, passa para o dativo (“dir” ao invés de “du”). Vamos trocar agora o “etwas” por outras palavras:

Eu lhe dou um beijo = Ich gebe dir einen Kuss

Eu lhe dou o dinheiro = Ich gebe dir das Geld

Eu lhe dou o lápis/a caneta = Ich gebe dir den Stift

Então, à mulher do prefeito em alemão seria der Frau des Bürgermeisters, sendo des Bürgermeisters novamente genitivo, como no caso do filho do pescador.

Nossa frase agora está completa:

Português: O filho do pescador vende o peixe à mulher do prefeito.

Alemão: Der Sohn des Fischers verkauft den Fisch der Frau des Bürgermeisters.

Der Sohn é o caso nominativo, des Fischers o genitivo, verkauft é o verbo, den Fisch o acusativo, der Frau o dativo e des Bürgermeisters novamente genitivo. Como o dativo normalmente vem antes do acusativo e o gentivo “des Bürgermeisters” se refere ao dativo (“der Frau”) e vai junto, precisamos ainda corrigir a frase para:

Der Sohn des Fischers verkauft der Frau des Bürgermeisters den Fisch.


 RESUMINDO:

resumo-casos


Leia também:

„Bicho malvado! Nunca vou aprender esse diacho de dativo, acusativo e genitivo!“

Publicação original: Escritos de Gustl Rosenkranz

 

Curta a página do autor no Facebook


 

Gostou? Compartilhe! Obrigado 🙂